Loading

Empreendedoras, vamos falar de controle financeiro?

Olá queridas leitoras, tudo bem com vocês?

Como já sabem estamos falando sobre finanças no empreendedorismo esse mês aqui no blog. A Lívia deu início ao assunto com um post incrível que você pode conferir clicando aqui. Ela deu dicas para você construir um negócio de sucesso e hoje vamos falar sobre o controle financeiro.

Você é do tipo de pessoa que sonha em ter um negócio mas que só de pensar em cuidar e organizar a parte financeira já desanima?

Você já tem um negócio mas tem passado muito trabalho para organizar o financeiro da sua empresa? Acha difícil, está perdida, não sabe por onde começar?

Você pode começar, relaxando… o assunto de hoje vai te ajudar e muito a acabar com esse pesadelo e perceber que cuidar das finanças da sua empresa além de ser simples e fácil é fundamental para que consigas fazer seu negócio crescer e te ajudar a alcançar seus maiores objetivos.

controle financeiro

Assim como na vida pessoal, muitas pessoas acham chato e difícil cuidar das finanças e você deve estar aí franzindo a testa, com cara de desconfiada quando te digo que não precisa ser complicado! É claro que vai demandar tempo e dedicação, mas a partir do momento em que você entende a importância disso tudo, passa a fazer sentido. Se você deseja ser uma empresária de sucesso, a parte financeira será sua grande aliada. Por isso, faça dela, sua melhor amiga!

Por que fazer o controle financeiro da sua empresa?

É difícil eu te dar um ou dois bons motivos para você fazer o controle financeiro da sua empresa, porque isso serve como o oxigênio para que seu negócio sobreviva e cresça.

Basicamente você controla tudo de acordo com sua situação financeira.

A área que você deseja desenvolvimento na sua vida, necessita da sua dedicação! Suas finanças e as finanças da sua empresa só vão funcionar se você focar energia para cuidar disso! Com carinho e conhecimento 🙂

Abaixo você encontrará informações fundamentais para começar seu controle.

controle financeiro

CONTROLE FINANCEIRO

1 ) Movimento de Caixa – Aqui você vai lançar todas as entradas e saídas de recursos financeiros do caixa da empresa ocorridas num período. Faça essa anotação diariamente.

Você lança seus custos fixos (custos que são independes da sua produção – você sempre tem que pagar) e variáveis (custos que são proporcionais a sua produção. Ex. impostos, comissões…)

Exemplo de informações necessárias para criar seu movimento de caixa:

Dia Nº do Doc  Histórico Entrada Saída Saldo Rubrica
10/09/2014 069801 Pagamento da conta de luz* R$ 75,00  R$ 580,00 Bianca S.

*exemplo de custo fixo

Dia = Data da movimentação.

Nº do Doc = Número da nota fiscal, número do cheque, do documento.

Histórico = Sobre o que se trata essa movimentação, uma venda, um pagamento, do que, para quê.

Entrada =  Se a movimentação foi uma entrada, anote o valor.

Saída = Caso a movimentação seja uma saída, anote o valor que saiu do caixa.

Saldo = Após a movimentação, qual foi o valor que sobrou no caixa? Anote aqui.

Rubrica = Identificação de quem foi o responsável pela movimentação.

2 ) Movimento Bancário – Efetuar e controlar todos os lançamentos ocorridos através da movimentação financeira bancária.

As informações são as mesmas da movimentação de caixa.

3 ) Contas a Receber – Conhecer a cada momento o total dos recursos que a empresa tem em poder de terceiros e as datas previstas de recebimento para poder programar futuros desembolsos. Efetuar controle mensal.

Exemplo de informações necessárias para controlar suas contas a receber:

Código do cliente Nome do cliente Data da Compra Nº do Doc Data de Pagamento
0286 Renata Pacheco 10/09/2014  0358 10/10/2014

Funções do contas a receber:

  • Identificar as contas que não foram pagas e as que ainda irão vencer.
  • Saber qual é o montante dos Recursos a Receber esse mês e nos próximos meses.
  • Quem são os bons e maus clientes.
  • Informações para a programação de um plano de cobranças.
  • Informações para elaboração do fluxo de caixa.

ATENÇÃO: Você precisa manter o controle e não cometer o erro de cobrar de um cliente uma conta que ele já pagou ou que ainda nem venceu.

DICA: Que tal oferecer algo especial para os bons pagadores? Fidelizar bons clientes que pagam certinho, pagam em dia e compram seus produtos/serviços com frequência é importante para a saúde do seu negócio. Ofereça descontos, brindes e facilidades!

4 ) Contas a Pagar – É um importante instrumento de informações permitindo a empresária uma constante orientação sobre os compromissos financeiros com seus fornecedores.

Exemplo de informações necessárias para controlar suas contas a pagar:

Código do fornecedor Nome do fornecedor Data da compra Data de vencimento Valor Juros Data do pagamento
25987 Empresa Ltda 10/09/2014  10/10/2014 R$ 220,00 5% 10/10/2014

Funções do contas a pagar:

  • Ficar ciente do vencimento dos compromissos financeiros com fornecedores
  • Qual o total dos valores a pagar
  • Dados para o estabelecimento dos pagamentos prioritários em caso de dificuldade financeira
  • Informações para a elaboração do fluxo de caixa

DICA: Mantenha uma boa relação com os fornecedores. Em caso de impossibilidade de efetuar o pagamento, entre em contato com o fornecedor e explique a situação. Proponha uma nova data de pagamento, mas não deixe de honrar esse novo acordo.

5 ) Fluxo de Caixa – Previsão de entradas e saídas financeiras (previstas e realizadas) por períodos pré-determinados (mensal, trimestral, semanal) de maneira a nos informar com antecedência como o CAIXA vai se comportar.

Exemplo de informações necessárias para controlar seu fluxo de caixa:

Saldo inicial – quanto sobrou do mês anterior.

Entradas – vendas à vista – vendas a prazo.

Saídas – todos os pagamentos à vista, a prazo, impostos.

Saldo final – quanto sobrou.

Funções do fluxo de caixa

  • Prever períodos em que haverá necessidade de captação de aplicação de dinheiro
  • Dotar a empresária de maior tempo para tomada de decisões financeiras
  • Prever com certa margem de segurança as operações financeiras de curto período (qual a real situação financeira da sua empresa daqui 6 meses, daqui um ano)
  • Fornecer informações corretas para a tomada de decisões no setor financeiro
  • Evitar desequilíbrio entre entradas e saídas
  • Evitar que recursos fiquem sem rendimento ou remuneração

Se você sabe que vai sobrar dinheiro daqui 4 meses no seu negócio você pode decidir fazer um investimento pois sabe que conseguirá cumprir com essa despesa.

controle financeiro

6 ) Demonstrativo de Resultado – É uma ferramenta que possibilita a avaliação do resultado operacional de uma atividade ou seja se ela está operando com lucro ou prejuízo, possibilitando informar se o negócio é viável ou não.

O que você deseja com o seu negócio é com certeza que ele obtenha lucro e cresça. Nem todo negócio depois de implementado oferece os resultados esperados. Você precisa manter o controle das finanças na sua empresa para que tenha tempo hábil caso precise tentar outras alternativas com objetivo de tornar seu negócio viável ou para entender que não está dando certo do jeito que está indo.

MUITO IMPORTANTE: Essa ferramenta que te permitirá identificar se sua empresa dá lucro ou não.

Exemplo de informações necessárias para seu demonstrativo de resultado:

vendas R$

(-) custos variáveis R$

(+) custo do produto R$

(+) despesas fixas R$

= lucro ou prejuízo R$

 

Viu como não é um bicho de 7 cabeças? Comece a fazer um de cada vez até que todos estejam alinhados e depois mantenha-os atualizados. Você verá a diferença que isso fará nos seus negócios!

Meninas, por hoje é só! Muito sucesso e dinheiro pra vocês. Até logo

Beijinhos

X