Loading

Desafio do Porquinho

Desafio do porquinho

O desafio do porquinho foi criado com a intenção de ajudar as riquetes a consumirem com mais consciência e economizarem dinheiro de uma maneira divertida.

Foi lançado em 2015, onde aconteceu a primeira edição.

Foram aproximadamente 5 meses de desafio. E funcionava assim:

  • O foco era vencer o maior número de tentações possíveis.
  • Toda vez que uma tentação era vencida, você precisava se gratificar, imediatamente. O valor era definido por você, o que tivesse disponível no momento ia para o porquinho como gratificação.
  • Fazer balanço semanal: quantas tentações venceu e quanto conseguiu juntar.

Aí no dia 25/12/2015 encerramos o desafio e eu compartilhei meu resultado:

Consegui juntar AU$ 1.200

Em 2016, tivemos a segunda edição e dessa vez o desafio veio na versão turbo.

  • Alternativas gratuitas – Guarda 10% do valor que deixou de gastar no porquinho.
    • Ia gastar para fazer algo mas encontrou uma alternativa gratuita, deixou de gastar algo. Pega 10% do valor e guarda.
  • Alternativa mais barata – Conseguiu pagar menos do que ia pagar inicialmente, guarda 10% do valor que deixou de gastar.
    • Conseguiu desconto ou pesquisou e encontrou em outro lugar mais barato, 10% vai para engordar o porquinho.
  • Resistir à tentações – Você quase comprou mas na hora H se deu conta de que não era necessário. 10% do que deixou de gastar, vai para o porquinho.
    • Quando você está mais ciente para seu consumo fica mais fácil perceber quando está prestes a gastar com supérfluos. O porquinho merece 10% do que deixou de gastar.

Para as meninas, não tenho dúvidas de que valeu muito:

depoimento5 depoimento4 depoimento3 depoimento2 depoimento1


A versão de 2017 veio caprichado

Juntamos desafio do porquinho + 52 semanas para economizar!

Então, continuamos com as regras do desafio do porquinho:

  • Alternativas gratuitas – Guarda 10% do valor que deixou de gastar no porquinho.
  • Alternativa mais barata – Conseguiu pagar menos do que ia pagar inicialmente, guarda 10% do valor que deixou de gastar.
  • Resistir à tentações – Você quase comprou mas na hora H se deu conta de que não era necessário. 10% do que deixou de gastar, vai para o porquinho.

E acrescentamos o desafio 52 semanas!! :O

Como funciona esse desafio?

A ideia é guardar dinheiro toda segunda-feira durante todo o ano.
O modelo é baseado em começar com R$ 1 na primeira segunda e aumentar R$ 1 a cada semana. Na segunda segunda-feira você guardará R$ 2, na terceira R$ 3 e assim sucessivamente até fechar as 52 semanas do ano. Quando você terá juntado a quantia de R$ 1.378.

Interessante e fácil não é mesmo? No final do ano é que começa a complicar um pouco mais, pois os valores serão maiores. Dica: Conte com toda renda extra que receber para garantir o desafio – 13°, restituição de IR, etc.

A maior motivação para esse desafio é conseguir chegar aos meses de Janeiro e Fevereiro, onde temos muitos gastos extras, e poder ficar tranquila porque tem dinheirinho guardado para isso. Poderá custear o pagamento dos impostos, do material e uniforme escolar, etc.

As dicas de ouro do desafio são para quem conseguir começar com um valor maior que R$ 1 na primeira semana o montante final será bem maior. Se você, por exemplo, consegue começar com R$ 5 na primeira semana, precisa ficar atenta no valor que tiver que depositar quando chegar aos últimos meses, veja se conseguirá arcar direitinho.

Você pode baixar a planilha do desafio aqui e simular os valores que deseja economizar.

Esse desafio de 2017 será baseado em um grande objetivo que você irá definir.

O que você quer alcançar com esse dinheiro economizado?

Quero compartilhar com você agora um material que as participantes montaram com dicas para turbinar o desafio! 🙂

DICAS PARA TURBINAR O DESAFIO
1.    Resistir às tentações
Você quase comprou, mas na hora H percebeu que aquele produto não era tão necessário. Parabéns! Seu porquinho agradece: Coloque 10% do valor que você deixou de gastar no porquinho.
A medida que você for economizando, vai entendendo o que é supérfluo, e com certeza vai começar a gastar menos.
2.    Pesquisar antes de comprar
Muitas vezes, comprar no primeiro lugar não é uma boa opção. Os preços podem variar muito de um lugar pro outro. O ideal é pesquisar.
Se você conseguir pagar menos do que pagaria inicialmente, ou conseguiu um desconto, guarde 10% do valor economizado no porquinho.
3.    Alternativas gratuitas
Se você ia gastar fazendo algo e encontrou uma alternativa gratuita, pega 10% do valor que deixou de gastar e guarda no porquinho.
4.    Guarde o troco
As vezes não damos importância às moedinhas. Valorize-as. Seu porquinho vai adorar recebe-las. No final você se surpreenderá com o valor que conseguiu poupar.
5.    Guarde valores menores que 5 reais dentro do seu porquinho.
No final do dia, quando for organizando a casa na sua rotina noturna, olhe bolsos e junte tudo o que for menor que 5 reais (moedas e cédulas) e coloque no porquinho.
Normalmente, não se dá valor às pequenas notas. E ter notas maiores a gente tende a pensar mais antes de gastar.
6.    Renda Passiva
Faça o dinheiro trabalhar para você. Busque uma renda passiva para aumentar seus rendimentos.
7.    Renda Extra
Hoje existem várias possibilidades de ganhar uma renda extra. Fazendo docinhos, vendendo cursos pela internet, venda de cosméticos e perfumaria (hoje essa minha renda que era pra ser extra, virou minha renda atual). Pesquise em que você se enquadra e vamos ganhar dinheiro.
8.    Faça uma lista de suas despesas fixas e variáveis e veja o que pode ser economizado, o que pode ser renegociado, ou mesmo cancelado. As economias podem ser significativas. 10% do que for economizado, engorde seu porquinho, ele merece por te motivar a se disciplinar, não acha?
9.    Onde você compra suas frutas e verduras? No conforto do supermercado ou na feira?
Essa pequena mudança de local de comprar esses produtos pode significar uma enorme economia. Vale a pena pesquisar dias de promoção ou mesmo, no caso de feiras, no final do dia os feirantes estão mais propensos a descontos e promoções.
Lembrando que 10% do valor economizado vai para o porquinho.
10.    Onde você almoça?
Fazer comida em casa, levar marmita, pode gerar uma economia tremenda no final do mês, além de você garantir uma refeição mais saudáveis, livres de industrializados, realçadores de alimentos, sódio e corantes.
Por conta da boa ideia, seu porquinho merece 10% do valor economizado.
Se o seu problema for falta de tempo pra cozinhar, tenho duas dicas:
Primeiro: você pode tirar um dia da semana para fazer a alimentação da semana e já congelar a porção individual para você levar para o trabalho.
Segundo: Sempre que fizer comida nova, faça um pouco mais e já proporcione individualmente e congele para que seja sua marmita durante a semana.
Etiquete com o tipo de comida e a data que você fez.
11.    Desapegue e ganhe com isso!
Desapegue de roupas, livros, móveis, eletrônicos que não use mais e coloque em site de vendas como olx. Além de não acumular coisas que não precisa, de fazer a energia circular, você vai conseguir encher o bolso. 10% coloque no porquinho e o restante pague o que você precisa.

Temos um grupo no Facebook onde vamos acompanhar esse desafio durante todo ano. Para participar clique aqui!

E um grupo no WhatsApp.

Grupo 2 do WhatsApp