Loading

O que vai mudar no rotativo do cartão de crédito

O que vai mudar no rotativo do cartão de crédito

Olá riqueza, você sabia que o rotativo do seu cartão de crédito vai mudar?

Rotativo? Não sabe o que é?

É aquela “facilidade” (muito mais cilada) que permite você optar por ficar pagando o mínimo da fatura do seu cartão. E assim ir acumulando uma pequena grande fortuna em dívidas a perder de vista.

No artigo de hoje quero te mostrar como vai ficar com as mudanças, que começam a valer a partir do dia 03/04/2017.

Um exemplo de como vai funcionar:

Vamos supor que sua fatura total do cartão ficou em R$ 500 esse mês.

Você decidiu pagar o mínimo, que era R$ 75.

No mês seguinte, você terá que pagar os R$ 425 da fatura anterior, + juros e + encargos. O valor integral.

Não poderá mais pagar parte da fatura como fez no mês anterior.

Se não puder pagar o valor total poderá optar pelo parcelamento da dívida com parcelas fixas e juros bem menores.

Essas opções de parcelas virão apresentadas na própria fatura.

As taxas de juros e formas de parcelamento irão variar de acordo com o emissor de cada cartão de créditos.

Dessa maneira você poderá se planejar melhor, pois saberá exatamente o valor a ser pago e por quanto tempo terá que arcar com essa dívida.

Se você não escolher nenhuma das opções de parcelamento seu saldo será automaticamente parcelado com a quantidade  definida pela financeira.

Confira em cada banco como vai funcionar:

 

 


O Nubank comunicou:

A partir do mês de maio, nossos clientes poderão financiar o saldo em aberto após um ciclo de fatura no rotativo com taxas entre 2,5% e 9,75% ao mês, bem abaixo da média do rotativo no mercado, atualmente em torno de 16% ao mês.

O banco do cartão de crédito mais querido do Brasil ainda anunciou algumas mudanças no contrato de prestação de serviços, de modo que possa “melhor refletir o funcionamento do nosso cartão e do Nubank”.
Para conferir o novo contrato completo é só clicar aqui.

Veja o infográfico abaixo com tudo explicadinho pra você:

novas regras rotativo cartão

Optando pelo parcelamento, seu saldo fica comprometido e será restabelecido conforme os pagamentos forem sendo efetuados.

Pra quem não costuma pagar o mínimo da fatura do cartão, nada muda. Continue assim 😉

Lembrando: Mesmo com essas mudanças, não é bacana contar com o rotativo do cartão como extensão do seu salário. É um dinheiro muito caro que te deixa cada vez mais pobre.

Para isso tenha suas reservas emergenciais para te acudir. Separei dois vídeos que vão te ajudar com isso, veja:


2 comments

  1. Ótimas explicações!
    Os custos absurdos dos juros do cartão assim se reduzem um pouco, mas ainda sim continuam sendo estratosféricos.
    Informação é sempre a melhor arma para fugir dessas ciladas do crédito fácil.

    saudaçoes

Comments are closed.

X