Loading

Planejando e realizando sonhos – Salto paraquedas

Olá gurias amadas,

Tudo certinho?

O post de hoje é para compartilhar mais um sonho que realizei.

Esse não envolve tanto planejamento financeiro, pois ele não é algo que exige muito dim dim, exige muito mais coragem isso sim, rsrsr.

Por isso resolvi dividir com vocês.

Em fevereiro eu fiz meu primeiro salto (duplo) de paraquedas.

Por mais que eu tente descrever aqui para vocês, qual foi a sensação seria impossível. rsrs.

É uma delíííííciiiaaa!

maiara hc 001 26

Saltar de paraquedas era um daqueles itens que eu penso: “Tenho que fazer isso antes de morrer” mas nunca tinha de fato definido um prazo para que essa façanha pudesse se tornar um item riscado da minha lista. Sabia que queria, mas não quando. No fundo, pensar que iria realizar isso num futuro qualquer me deixava toda corajosa, “Eu saltarei de paraquedas algum dia da minha vida” e pronto, a vida seguia.

Meu namorado e eu definimos que em algumas datas comemorativas durante o ano, os presentes que trocaríamos seriam experências, no meu aniversário (em outubro) ele me deu uma viagem para um hotel fazenda num lugar que eu queria muitoooo ir e uma janta num super restaurante aqui em São Paulo.

Passando meu aniversário, a próxima data era o natal e eu queria muito que vivêssemos algo fantástico e foi aí que eu decidi que, enfim, saltaríamos de paraquedas. Uau!

No natal eu entreguei um voucher para ele, com o seguinte texto:

“Parabéns Luiz,

Você acaba de ganhar um super presente de alguém que te ama muito.

Um presente que está em um nível muito elevado. Um presente onde você não vai conseguir gritar de tanta emoção.

Um presente com 40 segundos de pura adrenalina

Um presente de 6 minutos de uma paisagem maravilhosa

Um presente que você nunca, nunca, nunca irá esquecer.

Mas leia atentamente as contraindicações!!!!!!

Esse presente é contraindicado para quem gosta muito de ficar trancado em salas, gosta de dias sem surpresas e não gosta da vida dos pássaros.

Esse presente poderá causar algumas reações adversas como:

Amnésia: vai se esquecer de todos os problemas da semana.

Falta de ar: vai ficar com uma preferência por ambientes abertos e com vento no rosto.

Alergia: se sentirá incomodado por dias sem aventura.

Confusão visual: quando passar por uma ponte alta, vai ficar olhando pra baixo como nunca fez e se imaginando caindo.

Vício: pensará cada vez mais na pessoa que te deu o presente.

Cuidado!!!!!!!!!!!!

Essa pessoa que te presenteou pode te amar muito!!!!! Mas também pode estar querendo se livrar de você o mais rápido possível… Nossa equipe vai atender a solicitação do jeitinho que a Maiara “encomendou”, vamos esperar o desfecho.

maiara hc 004 20

Conseguimos agendar para fevereiro desse ano.

Foi em Boituva-SP, o lugar é referência nacional de paraquedismo.

Na hora em que chegamos, tinha uma senhora de 70 anos dando pulos de alegria e falando que tinha sido ótimo, que queria ir de novo e tal. Ela ganhou um salto de paraquedas de aniversário dos filhos, kakaka. Achei demais. Nesse momento eu me inspirei muito e me enchi de coragem. Depois dessa eu não podia desistir (até aquele momento eu estava um poço de nervosismo) kkkkkk.

Depois de toda parte burocrática acertada estávamos lá na expectativa.

É tudo muitooo louco. O aviãozinho, a subida… ver a cidade ficar cada vez menor… aiii só de lembrar me dá um frio enorme na barriga.

maiara hc 003 04

Escolhi ser a primeira a saltar e no exato momento do salto, não passa muita coisa na sua cabeça, é tudo muito rápido.

Nos preparamos na porta do avião e tchaaammm, pulamos!!!!!!!!

…. Nesse momento, sem palavras!

Saltar de 12 mil pés de altura, ter uma queda livre por 45s a uns 200km por hora.

maiara hc 005 052

Lembro de uma frase bem bacana, que a Paula Quintão, paraquedrista escreveu num texto que ela contou como é a experiência em saltar, ela fala algo assim:

“Se sou capaz de pular pela porta daquele avião, sou capaz de qualquer coisa.”

E me sinto assim também. É uma mistura imensa de sentimentos e emoções. Só tenho a dizer que vale muitooooo a pena. E sabe aquela história de que seria algo para eu fazer uma vez na vida? Quero mais, muitooo mais. Uma vez só é muito pouco. Sentir o que senti saltando de paraquedas, pede bis!

Ahh e o namorado?

Menina, ele curtiu taaaantooooo tantooooo que ganhei uns pontinhos no relacionamento, rsrsrrs

Informações:
– Eu contratei os saltos com a São Paulo Paraquedismo
– O valor de cada um foi R$ 279.
– As fotos e filmagem você contrata separado, eu super indico no mínimo contratar a filmagem.

Vejam outros sonhos que realizei e compartilhei aqui:

 

X